Ministro da Saúde cumpre agenda em Uberaba e anuncia recursos para o tratamento do câncer

10 Fevereiro 2018 00:00:00

Foto: Rúbio Marra

Por Marcelo Lemos

O ministro da Saúde, Ricardo Barros (PP), cumpriu, nesta sexta-feira (9), agenda em três cidades mineiras: Uberaba, Passos e São Sebastião do Paraíso. Ele chegou a Uberaba no início da madrugada e foi recebido no Aeroporto por autoridades, entre elas o prefeito Paulo Piau e o secretário de Saúde, Iraci Neto. O primeiro compromisso durante a manhã foi no Hospital Regional de Uberaba José Alencar. Em seguida, Ricardo Barros visitou o Núcleo da Mulher do Hospital Dr. Hélio Angotti e participou de uma reunião com prefeitos e gestores de saúde, na qual anunciou recursos para ampliar a assistência à região. 

Durante a visita às instalações do Hospital Regional, o secretário municipal de Saúde, Iraci Neto, aproveitou para solicitar ao ministro recursos federais no valor de R$ 8 milhões para a aquisição de equipamentos e ampliação do atendimento no hospital. Iraci também pediu recursos para a construção de novas Unidades Básicas de Saúde (UBS's) nos bairros do programa Minha Casa, Minha Vida. O ministro solicitou, então, o plano de custeio da unidade. Só depois os recursos devem ser liberados.

"Quanto a questão do Hospital [Regional], eu aguardo que a comunidade me apresente o modelo de sustentabilidade dessa expansão e de quem paga a conta do hospital, e liberaremos os R$ 8 milhões de equipamentos necessários para esta nova etapa de funcionamento do hospital", disse o ministro. O Hospital Regional atende média e alta complexidade e é referência em atendimento para 27 municípios do Triângulo Sul. Atua nas especialidades de cardiologia, ginecologia, pneumologia, fisioterapia, endoscopia, órteses e próteses, diagnósticos por imagem, doença renal, entre outras.

O segundo compromisso do ministro Ricardo Barros em Uberaba foi no Hospital Dr. Hélio Angotti, onde participou da solenidade de inauguração do Núcleo da Mulher, espaço voltado ao diagnóstico precoce do câncer de mama. Recentemente, o Ministério da Saúde investiu R$ 5 milhões para a aquisição de um acelerador linear (equipamento para radioterapia) para o hospital. Acompanhado de autoridades políticas e profissionais da saúde, Barros conheceu as instalações da unidade, referência em Atenção Oncológica para o Triângulo Mineiro.

Durante a visita a Uberaba, o ministro da Saúde também anunciou recursos para o Laboratório de Fitoterapia e para os Centros de Atenção Psicossocial (CAPS's) em Uberaba. "Já estou autorizando os recursos para o laboratório de fitoterapia, que é fundamental, porque é prevenção de saúde, tratamentos naturais. E também os recursos para os CAPS's, que é o tratamento para a saúde mental. São solicitações que o prefeito fez e nós já atendemos", disse.

Já no auditório do Hospital Dr. Hélio Angotti ele lançou a Rede de Hospitais do Câncer do Triângulo (Rede HCT), um centro de tratamento e prevenção do câncer que deve beneficiar mais de 2,8 milhões de pessoas. O projeto terá criação de polos em cidades da região, começando pelo Hospital do Povo, em Iturama, e será liderado pelo Hospital Dr. Hélio Angotti.

O secretário Iraci Neto ficou satisfeito com a visita do ministro Ricardo Barros. Sobre os recursos para o Laboratório de Fitoterapia, o secretário disse que foi uma reivindicação do vice-prefeito, João Gilberto Ripposati (PSD), que defende o tratamento alternativo desde quando era vereador. "Ele nos pediu para que colocássemos como prioridade da Secretaria de Saúde também essa inovação na rede de fármacos, para que a gente pudesse ter, através dos fitoterápicos, o estudo e a pesquisa. Então, através desse anúncio do ministro de que vai disponibilizar recursos para investir nesse serviço, a gente fica muito contente", afirma. Iraci também disse que após o Carnaval deve ser inaugurado o Centro de Atenção Psicossocial ao Dependente de Álcool e Drogas (Caps AD III).

O prefeito Paulo Piau avaliou a visita do ministro da Saúde como positiva. "Já liberou recursos, já anunciou programas aqui importantes, inclusive de fortalecimento do Hélio Angotti, o chamado CACON, que é um centro de referência em Oncologia. Isso fortalece o nosso Hospital Hélio Angotti. Então, a visita do ministro da Saúde aqui é extremamente importante. Deixará um saldo altamente positivo", afirmou. Piau disse que conversou com Ricardo Barros sobre tornar Uberaba uma cidade de referência em várias especialidades. "Com duas universidades na área da Saúde, uma federal e outra filantrópica, nós podemos sonhar alto e ter Uberaba como um dos principais centros de medicina do país. Esse é o nosso grande objetivo", acrescentou.

Imagens

Foto: Rúbio Marra